Bem-vindo ao Conhecimentos Gerais, um site dedicado a oferecer informações e conhecimentos sobre uma variedade de matérias, incluindo português, matemática, ciências, geografia e muito mais.

Normas ABNT: Aprenda a construir um sumário

Quando estamos escrevendo um trabalho acadêmico ou técnico, é importante seguir as normas ABNT para garantir a organização e clareza. O sumário é essencial para orientar o leitor sobre a estrutura do documento.

Ter um sumário adequado demonstra cuidado e ajuda o leitor a encontrar as informações com mais facilidade. Portanto, se você quer aprender a criar um sumário seguindo as normas da ABNT, continue lendo este artigo. Vamos começar!

Formatação do sumário com as normas ABNT

Imagem com pessoa escrevendo

A formatação do sumário conforme as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é muito importante para o cumprimento adequado dessas normas em trabalhos acadêmicos e científicos. A NBR 6027 é a norma que especifica a forma correta de apresentar o sumário.

Veja as diretrizes para a formatação correta do sumário segundo a ABNT:

  • Elemento obrigatório: o sumário é um elemento obrigatório em qualquer trabalho acadêmico ou científico.
  • Localização: deve ser localizado após a lista de ilustrações, tabelas, abreviaturas e siglas, símbolos e antes do texto em si.
  • Título: o título deve ser centralizado, em letras maiúsculas e negrito.
  • Numeração: deve conter os mesmos capítulos, seções e subseções que aparecem no texto, na mesma ordem e com a mesma grafia. Também deve indicar a página inicial de cada parte. Não é necessário colocar a numeração do sumário.
  • Afastamento: para cada nível do sumário (capítulos, seções, subseções), deve haver um recuo correspondente.
  • Espaçamento: deve-se utilizar espaçamento simples entre as linhas do sumário e espaço duplo entre uma seção primária e a seguinte.
  • Elementos pré-textuais e pós-textuais: os elementos pré-textuais (resumos, listas, dedicatórias, agradecimentos, epígrafe, resumo, etc.) e pós-textuais (referências, glossário, apêndices, anexos, índice, etc.) não devem aparecer no sumário.

Aqui está um exemplo de como o sumário pode ser estruturado:

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO……………………………………………………………1

1. CAPÍTULO 1………………………………………………………..3

  1.1 Subseção 1.1…………………………………………………….5

    1.1.1 Subseção 1.1.1………………………………………………6

  1.2 Subseção 1.2…………………………………………………….8

2. CAPÍTULO 2………………………………………………………..9

  2.1 Subseção 2.1……………………………………………………10

CONCLUSÃO……………………………………………………………12

Qual a Estrutura do Sumário?

A estrutura do sumário deve refletir a organização do trabalho, incluindo todos os capítulos, seções e subseções, na ordem em que aparecem no texto. Ele também deve incluir a página inicial de cada parte.

Aqui está um exemplo básico de como um sumário pode ser estruturado:

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO……………………………………………………………1

1. CAPÍTULO 1………………………………………………………..3

  1.1 Subseção 1.1…………………………………………………….5

    1.1.1 Subseção 1.1.1………………………………………………6

  1.2 Subseção 1.2…………………………………………………….8

2. CAPÍTULO 2………………………………………………………..9

  2.1 Subseção 2.1……………………………………………………10

CONCLUSÃO……………………………………………………………12

Neste exemplo:

  • “INTRODUÇÃO” é a introdução do trabalho.
  • “CAPÍTULO 1” e “CAPÍTULO 2” são os títulos dos capítulos principais do trabalho.
  • “Subseção 1.1”, “Subseção 1.1.1” e “Subseção 1.2” são subseções dentro do “CAPÍTULO 1”.
  • “Subseção 2.1” é uma subseção dentro do “CAPÍTULO 2”.
  • “CONCLUSÃO” é a conclusão do trabalho.

Os números à direita indicam a página inicial de cada seção ou subseção,

Como criar o Sumário?

Para criar um sumário seguindo as normas da ABNT, você deve seguir estes passos:

  • Escreva o trabalho primeiro: antes de criar o sumário, escreva todo o trabalho. Assim, você terá uma visão clara de todos os capítulos, seções e subseções que precisam ser incluídos no sumário.
  • Liste os capítulos, seções e subseções: comece listando todos os capítulos, seções e subseções do seu trabalho na ordem em que aparecem no texto.
  • Inclua os números das páginas: em seguida, adicione o número da página inicial de cada capítulo, seção e subseção ao lado do título correspondente.
  • Formate o sumário: formate o sumário de acordo com as normas da ABNT. Use recuos para diferenciar os níveis do sumário (capítulos, seções, subseções), centralize o título “SUMÁRIO” na parte superior da página, e use um espaçamento simples entre as linhas e um espaço duplo entre as seções.
  • Revise o sumário: revise o sumário para garantir que ele esteja completo e que todos os títulos e números de página estejam corretos.

Se você estiver usando um programa de processamento de texto como o Microsoft Word, ele pode automatizar parte desse processo para você. 

Por exemplo, você pode usar o recurso de “Estilos” para formatar os títulos dos capítulos, seções e subseções, e então usar a opção “Inserir Sumário” para criar um sumário automaticamente.

Aqui estão as etapas básicas para fazer isso no Word

  • Aplicar estilos: No seu documento, selecione o título do seu capítulo ou seção, vá para a guia “Início”, e na caixa “Estilos”, selecione o estilo apropriado (por exemplo, Título 1 para capítulos, Título 2 para seções, Título 3 para subseções, etc.).
  • Repita o processo: Repita o processo para todos os títulos de capítulos, seções e subseções do seu trabalho.
  • Inserir sumário: Vá para o local do documento onde você deseja inserir o sumário, vá para a guia “Referências”, clique em “Sumário”, e selecione o tipo de sumário que deseja inserir.
  • Atualizar o sumário: Se você adicionar ou mover texto, ou alterar a formatação dos títulos, pode atualizar o sumário indo para a guia “Referências”, clicando em “Sumário”, e selecionando “Atualizar Sumário”.

O que é a ABNT?

A ABNT é uma organização brasileira que cria normas técnicas para diversos setores. Essas normas garantem qualidade, segurança e eficiência em produtos e serviços. Elas são elaboradas por especialistas em comitês técnicos.

As normas da ABNT abrangem áreas como engenharia, arquitetura, informática, saúde e gestão. Elas regulamentam formatos de documentos acadêmicos, citação de referências, segurança, qualidade e sistemas de gestão.

Essas normas são amplamente utilizadas no Brasil para garantir a qualidade e a uniformidade em diferentes setores. Vale ressaltar que outros países têm suas próprias organizações de normas técnicas, como a ISO, que estabelece normas internacionais.

Cada país pode adotar as normas internacionais e adaptá-las às suas necessidades específicas. A ABNT desempenha um papel fundamental na padronização e regulamentação no Brasil.

Dicas práticas antes de criar um sumário

Para criar um sumário seguindo as normas da ABNT, é importante seguir algumas dicas práticas. Veja abaixo:

  • Organize seu trabalho antes de criar o sumário: tenha uma estrutura clara e organizada para o seu trabalho, identificando as seções principais e suas subseções.
  • Utilize estilos de formatação: ao formatar o texto, use estilos específicos para cada nível de título, como “Título 1” para as seções principais e “Título 2” para as subseções. Isso facilita a atualização automática do sumário.
  • Verifique os números de página: certifique-se de que os números de página estejam corretos e consistentes com o restante do documento. Atualize o sumário sempre que houver alterações na numeração.
  • Limite o uso de níveis de títulos: a ABNT recomenda no máximo três níveis de títulos no sumário. Tenha as seções principais (nível 1), subseções (nível 2) e, se necessário, subseções das subseções (nível 3).
  • Mantenha a consistência na formatação: use a mesma fonte, tamanho e espaçamento do restante do trabalho. Verifique se a formatação dos títulos, alinhamento e espaçamento estão uniformes.
  • Revise e atualize: antes de finalizar o sumário, revise todos os títulos e números de página para garantir que estejam corretos. Atualize o sumário sempre que houver mudanças na estrutura ou conteúdo do trabalho.

Ao seguir essas dicas, você conseguirá criar um sumário claro, organizado e em conformidade com as normas da ABNT. Lembre-se de consultar as diretrizes específicas da ABNT para o seu tipo de trabalho, pois podem existir requisitos adicionais ou variações.

Gostou do artigo? Você encontra mais conteúdos como esse clicando aqui!

você pode gostar também

Escreva um comentário

Usamos cookies pra melhorar sua experiência. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Cookies. Entendi Ver política